Curitiba

Fundador da revista Playboy, Hugh Hefner morre aos 91 anos

Criador da publicação estava em Los Angeles. Causa não foi informada

O fundado da revista masculina mais famosa do mundo estava em casa, em Los Angeles, na famosa Mansão da Playboy (Foto: Reprodução / Instagram)

*Do R7

Morreu nesta quarta-feira (27) o fundador e editor-chefe da revista Playboy, Hugh Hefner, aos 91 anos de idade, informou a publicação em seu perfil oficial no Twitter.

O fundador da revista masculina mais famosa do mundo estava em casa, em Los Angeles, na famosa Mansão da Playboy.

O anúncio da morte na rede social veio acompanhada da seguinte frase: "A vida é muito curta para viver o sonho de outra pessoa".

A casa onde estava Hefner — com quase 1.900 metros quadrados, avaliada em US$ 200 milhões e equipada com quadra de tênis e piscina — abriga a gruta Playboy, que durante anos foi local de algumas das festas mais extravagantes.

O magnata sempre foi conhecido pelas comemorações badaladas e suas diversas namoradas, todas sempre muito mais jovens que ele.

Em comunicado, o filho de Hugh, Cooper Hefner, afirmou: "Meu pai viveu uma vida excepcional e impactante como pioneiro cultural e de mídia e uma voz de liderança por trás de alguns dos movimentos sociais e culturais mais importantes do nosso tempo, na defesa da liberdade de expressão, dos direitos civis e da liberdade sexual. Ele definiu um estilo de vida".

Leia também:

Envie seu comentário

Comentários (0)

Bienal de Curitiba tem programação divulgada; confira as atrações

Bienal de Curitiba vai ocupar mais de cem espaços da cidade

Bienal de Curitiba vai de 30 de setembro de 2017 a 25 de fevereiro de 2018 (Foto: Divulgação)

Em fase de finalização de montagem nos vários espaços culturais que vai ocupar, a Bienal de Curitiba’17 está praticamente pronta para a abertura programada para este sábado, dia 30, no Museu Oscar Niemeyer (MON). Dedicada aos opostos, porém convergentes, o título “Antípodas – Diverso e Reverso” sintetiza esta edição do evento, que homenageia a China, país situado diametralmente em oposição ao Brasil.

A sinergia criada pela diversidade e o enriquecimento que as diferenças proporcionam são os pontos fortes do conjunto das exposições da Bienal, de acordo com o criador do conceito e um dos curadores da mostra, o crítico e pesquisador paraguaio Tício Escobar, que tem atuação também no Chile e Espanha.

Confira a programação completa

Para o diretor geral do evento, Luiz Ernesto Pereira, a Bienal traça um panorama mundial do que mais expressivo se faz hoje em arte contemporânea no mundo, com a contribuição de 42 países dos cinco continentes; e, em especial, apresenta a maior e mais importante exposição de arte chinesa já realizada fora da China. “A China vem ganhando reconhecimento crescente em museus de todo o mundo”, disse, ao apresentador os curadores e alguns artistas nacionais e estrangeiros para a imprensa nesta quarta-feira, 27. 

Entusiasmada com a proporção que a Bienal já alcançou, a vice-presidente do Grupo de Arte e Entretenimento da China (CAEG), Chen Chunmei, representando o governo chinês, disse acreditar que o evento vai marcar a crescente história do intercâmbio cultural entre a China e os países do Cone Sul da América do Sul. Ela fez uma rápida exposição da divulgação que a Bienal de Curitiba está obtendo na China.

Espalhada por quase cem espaços por toda a cidade, com ramificações levadas a Florianópolis, Buenos Aires e Mar Del Plata, a Bienal Internacional de Curitiba será aberta ao público no domingo, dia 1 de outubro. No sábado, será inaugurada a obra em homenagem ao filósofo Confúcio (551 – 479 a.C), feita em bronze fundido pelo artista Wu Weishan, doada a Curitiba pelo governo chinês e instalada no agora chamado Largo da China, na esquina das ruas Marechal Hermes e Deputado Mário de Barros, no Centro Cívico.

A Bienal de Curitiba’17 estará nos seguintes espaços:

Mostra: Oscar Niemeyer, Largo da China, Museu Municipal de Arte e Memorial de Curitiba. Circuito de Museus: Museu da Fotografia, Memorial de Curitiba, Museu Paranaense, Museu Alfredo Andersen, Museu de Arte Indígena e Museu Municipal de Arte.  Circuito Integrado: Hall da Secretaria de Estado da Cultura, SESC Paço da Liberdade, Biblioteca Pública do Paraná, Galeria InterARTividade/Pátio Batel, Galeria da Associação de Artistas Plásticos do Paraná, Ordem dos Advogados do Brasil – Paraná, Palacete dos Leões – BRDE, Solar do Barão e Ateliê de Escultura do Centro de Criatividade de Curitiba - no Parque São Lourenço. Circuito de Galerias: ARQ/ART Galeria, Boiler Galeria, Riviso Galeria, Sim Galeria, Simões de Assis, Solar do Rosário, Ybakatu, Zilda Fraletti, Zuleika Bisacchi, Airez Galeria, Estúdio e Galeria Teix, Das Nuvens, Gal eria e Atelier Soma e Ponto de Fuga. Circuito Gastronômico: Botanique, Marbô Gastronomia, Café Bathé, Dizzy Café Concerto, Novo James Bar, Bar do Alemão e Ornitorrinco. Circuito Infantil: Casa da Leitura Miguel de Cervantes, Bistrozinho, Villa Mariantonio, Centro Juvenil de Artes Plásticas e Escola Anjo da Guarda. Circuito Universitário: EMBAP - Escola de Música e Belas Artes do Paraná/Unespar, DeArtes - Departamento de Artes da UFPR, MUSA - Museu de Arte da UFPR, Museu Metropolitano de Arte - Sala de Arte Digital e Museu da Gravura de Curitiba. Circuito de Arquitetura: Palácio Iguaçu e Palácio das Araucárias.

Mais de 50 outros espaços da cidade serão ocupados em atividades da Bienal de Curitiba que serão realizadas a partir de novembro de 2017.

A Bienal de Curitiba em Florianópolis (SC) ocupará dois espaços. A Bienal estará presente ainda em Buenos Aires e Mar del Plata, na Argentina, e em Assunção, no Paraguai. E por fim, haverá uma programação itinerante que levará atividades da Bienal a outras 12 cidades brasileiras.

 

 

Envie seu comentário

Comentários (0)

Resumo de 'Belaventura' da semana de 25 a 29 de setembro

Pietra conversa com Laurinda sobre seu desapontamento com Enrico; veja destaques

Confira os principais acontecimentos desta semana em Belaventura (Foto: Record TV, Reprodução)

Segunda-feira, dia 25 de setembro

Pietra está espantada diante de Laurinda, que está incomodada. Severo não aprova o casamento de Brione com Gonzalo e os dois discutem. Otoniel observa um mapa, onde Mistral localiza as regiões importantes. Otoniel diz a Mistral que talvez uma aliança com a região de Cabúri marque o início de uma nova história para Belaventura. Severo entra e encontra Leocádia e Marion, ainda às voltas com os dois pedaços de mapa rasgados, um deles queimado. Severo diz que Pietra vai revelar a ele tudo o que sabe. Polentina pergunta a Dumas se ele já escolheu as cantigas para declamar no sarau. Pietra conversa com Laurinda sobre seu desapontamento com Enrico. Marion cobra explicações de Brione por ter fugido de casa. Quixote está atônito diante de Matriona que quer que ele conte a verdade sobre a origem do bebê que foi entregue a eles. Ariela escuta tudo atrás da porta. Joniel encara Gonzalo com raiva e diz que ele não pode aceitar se aliar a Jacques. Gonzalo diz a Joniel que pode ser nomeado como cavaleiro por Jacques. Pietra conversa com Laurinda e acha que deve ficar sozinha e esquecer Enrico. Severo entra no local e manda Laurinda voltar para a ala dos criados porque tem muito a conversar com Pietra. Falstaff vai até o palácio falar com Otoniel que o reprova. Selena está tímida diante de Enrico e diz que ficou envergonhada pelo beijo. Severo não acredita no que Pietra diz sobre o que fez para abrir a caixa e bate na mesa, com raiva. Severo faz um carinho no rosto de Pietra e diz que agora é seu dono e que pode transformá-la em uma mulher muito poderosa. Marion está por ali, sem ser vista. Bartolion está distraído mexendo em vários rolinhos e papiros que coloca sobre a mesa. De repente, alguém coloca um saco de pano na cabeça de Bartolion.
 
Terça-feira, dia 26 de setembro

Pietra está assustada diante de Severo. Severo mostra o pergaminho à Pietra e coloca o frasco com o líquido vermelho sobre a mesa e pergunta a ela o que sabe desses objetos. Pietra faz que não sabe. Selena está emocionada diante de Enrico e diz que nunca acreditou na versão que contaram a ela sobre seu pretendente. Mistral conversa com Cedric e diz que confia no julgamento do rei. Dulcinéa está espantada diante de Accalon e pergunta a ele se acredita que exista um grande esquema de raptos de bebês na Vila. Dulcinéa revela a Accalon que desconfia que foi comprada por Fasltaff. Matriona pede que encontrem Ariela. Tiana tenta acalmar Joniel. Joniel diz que jamais permitirá que Gonzalo se junte a Jacques para defender o castelo de Valedo. Lizabeta entra no quarto de Carmona e as duas fazem as pazes. Tamar pergunta a Páris sobre seu casamento e Páris diz que está confuso. Bartolion está com o saco de pano em sua cabeça que é retirado por Leocádia. Bartolion tem na mesa dois pedaços do mapa e Leocádia pede que ajude a revelar o que significa. Laurinda conversa com Pietra e diz que soube da volta de Brione porém não pode sair dali. Otoniel conversa com Enrico e Mistral e alerta que devem tomar cuidado para o que o reino não fique vulnerável. Na floresta, Tácitus, Daros e Gregor estão exaustos e gritam por Ariela. Alguns instantes e alguns homens maltrapilhos surgem de trás das árvores e cercam os três. Daros diz que são os Errantes. Severo encara Leocádia e pergunta o que ela fez com o mapa. Leocádia entrega o mapa a Severo que o contempla. Leocádia sugere que Severo comece sua viagem a caminho de Prestedourado, o mais rico reino. Pietra caminha rapidamente, até que se depara com Cedric. Pietra pede que não a faça mal e ele pede que ela vá com ele imediatamente.
 
Quarta-feira, dia 27 de setembro

Pietra está espantada diante de Cedric, que tem a espada na mão. Cedric explica à Pietra que ele precisa segui-la a pedido de Enrico e ela não acredita. Severo surge em seguida. Otoniel está surpreso diante de Páris e revela que sua esposa e filha podem ter sido raptadas há décadas. Severo manda levar Cedric ao seu gabinete e promete proteger Pietra que assente, assustada. Selena revela à Lizabeta que tem um pretendente e que Enrico prometeu encontrá-lo. Tácitus, Daros e Gregor iniciam a luta contra os Errantes. No mercado, Polentina está exausta, enquanto Fubaldo tira alguns legumes da caixa e arruma o cesto. Polentina conversa com Fubaldo e diz que espera que encontre logo Ariela e que nada mais atrapalhe seu sarau. Arturo encontra Ariela e a salva de um lobo. Fernão chega e repreende Arturo por ter se distanciado dele. Arturo diz que salvou uma selvagem e Ariela o repreende. Gonzalo conversa com Brione e diz que chamou Jacques para se juntar a ele e assim se tornar um cavaleiro respeitado. Marion discute com Leocádia e pergunta se Pietra já está fazendo as poções para vender o veneno para a Ordem Pura. Severo interroga Cedric diante de Pietra e revela que Lucy matou o próprio marido. Pietra diz que é mentira. Cedric diz a Severo que acha estranho ele defender a filha de uma mulher que era inimiga da Ordem Pura. Merlino pede a Bartolion que pare de prejudicar a Ordem Pura. Carmona fica irritada diante de Otoniel e Páris ao saber que sua esposa e filha podem ter sido sequestradas. Camorna acusa Páris de ter se comprometido em casar-se com ela. Quixote agradece a Arturo e Fernão por terem encontrado Ariela e a levado para a casa. Ariela está irritada e acusa Quixote e Matriona de ter mentido a ela. Mistral está surpreso diante de Accalon e Tácitus. Accalon e Tácitus colocam as madeiras com os baús e as trouxas sobre a mesa. Accalon mostra o estandarte com o antigo brasão de Cabúri. Mistral abre o baú e se surpreende com o que vê dentro. Jacques com a ajuda de Elia entra no castelo e encontra com Lizabeta. Otoniel e Enrico estão surpresos diante de Bartolion que diz que a Ordem Pura deseja fazer uma aliança com Belaventura. Enrico diz que se Pietra estiver como prisioneira do conde, o tratado de paz será desfeito e que ele mesmo vai declarar guerra à casa de Valedo.
 
Quinta-feira, dia 28 de setembro

Otoniel pede calma a Enrico e diz que existe um mapa de Prestedourado, o reino mais próspero de todos, que ninguém nunca conseguiu provar que existe. Enrico questiona se o mapa é falso e Bartolion revela que atrás do mapa tinha uma inscrição num antigo dialeto que seria de Prestedourado. Enrico, Bartolion e Otoniel chegam a conclusão que a trégua com a Ordem Pura é fundamental neste momento. Severo pede que o soldado leve Pietra para a masmorra e conta que o marquês conseguiu fugir do castelo. Pietra tem esperança que com esta fuga Enrico fique sabendo onde ela está. Lizabeta e Jacques ficam constrangidos com a chegada de Selena. Selena diz para confiarem nela e que não contará do encontro dos dois para ninguém. Mistral, Accalon e Tácitus levam a notícia a Otoniel de que encontraram um baú que pode pertencer à Selena. Quando abrem, o baú está cheio de moedas de ouro e joias. Quando Jacques está indo embora, se encontra com Nodier. Severo conta à Marion sobre o marquês Cedric. Ela diz que agora Enrico saberá onde Pietra está, mas Severo lhe assegura que ele não a encontrará. Otoniel fica espantado com tanto ouro que tem no baú. Jacques diz para Nodier deixa-lo ir embora mas o pedido não é aceito e os dois começam a lutar. Marion pede para Brione convencer o seu pai a aceitar Gonzalo no castelo. Severo pergunta para Leocádia se ela acredita que Arturo seja mesmo filho dele. Leocádia diz que acompanhou Arturo de perto e sempre procurou dar a ele a mesma educação que deu a Severo. Ela pede que Severo fique mais próximo de Arturo para descobrir se ele realmente é seu filho. No castelo Belaventura, Otoniel, Enrico, Bartolion e Mistral estão tensos diante de Accalon que conta sobre o rapto de crianças em Belaventura. Ele diz que davam um veneno e um antídoto para que as crianças fossem consideradas mortas e depois acordassem pelas mãos de um membro da Ordem. Isto para que as mães não procurassem seus filhos. Lizabeta conta para Selena de sua história com Jacques. Ariela pede que Quixote e Matriona contem a verdade.  Matriona respira fundo e conta que ela foi deixada lá ainda bebê. Ariela questiona se ela poderia ser filha de Tiana. Quixote diz que isto é um mistério. Enquanto Jacques e Nodier discutem, Enrico aparece e diz que quer falar em particular com Jacques. Nodier sai espantado. Enrico pergunta se o sumiço de Pietra tem relação com o pai de Jacques. Jacques desconhece mas diz a Enrico que se descobrir alguma coisa contará para ele. Lizabeta agradece Elia por ter facilitado a entrada de Jacques ao castelo. Elia aproveita o momento e pede que Lizabeta tenha um pouco mais de prudência com Selena por ser nova na corte. Selena está diante do rei e confirma que o baú é dela. Selena oferece tudo a Otoniel em prova de sua fidelidade ao rei. Laurinda conta à Brione que Pietra está presa no castelo Valedo. Brione se assusta e diz que seu pai não pode mantê-la presa. Cedric conta a Enrico que Pietra está presa no castelo Valedo. Ele se surpreende com a notícia e pede que Cedric prepare uma tropa para buscá-la.
 
Sexta-feira, dia 29 de setembro

Enrico está tenso diante de Cedric que pede discrição para organizar a invasão do castelo de Valedo. Pietra está na masmorra e ainda assustada diante de Leocádia. Leocádia pede que Pietra reproduza o veneno e o antídoto. Tiana e Joniel vão a casa de Quixote e Matriona para conversarem. Matriona explica que uma mulher deixou um bebê com eles e voltaria para buscar depois, e que ela parecia proteger o bebê de alguns homens perigosos, por isso eles guardaram segredo sobre a origem de Ariela. Otoniel agradece à Selena e diz que ela pode ficar no castelo quanto tempo desejar. Enrico conversa com Lizabeta e diz que Jacques mentiu sobre Pietra não estar no castelo de Valedo e que soube por fontes seguras que ela está lá. Polentina vê Jacques entrar no mercado e pergunta se foi procurar por Brione. Jacques diz que foi a procura de Gonzalo. Gonzalo conversa com Brione quando Severo chega e se surpreende ao vê-los. Otoniel diz a Enrico que vai fazer aliança com a Ordem Pura. Dulcinéa questiona Falstaff para saber de suas irmãs. Severo pede desculpas a Gonzalo por todo transtorno causado ao entrar em sua casa e o elogia. Severo oferece o cargo de ferreiro a Gonzalo. Joniel diz à Tiana que precisam contar a verdade para Gonzalo sobre Ariela. Tácitus e Ariela se abraçam e ele diz que ela precisa prometer não fugir mais de casa. Ariela agradece a Gregor, Daros e Tácitus. Nodier treina alguns soldados e Selena se aproxima. Selena pega uma espada e já surpreende Nodier e os dois lutam. Nodier se impressiona com a habilidade de Selena. Páris conversa com Quixote e diz que a princesa Carmona está ansiosa para casar-se com ele. Dulcinéa conversa com Accalon e passa mal, sente forte dores e desmaia. Merlino e o Mestre da Ordem Pura entram no castelo para falar com o Otoniel. Mistral vai até Enrico e diz que o Mestre da Ordem Pura está no castelo numa audiência com o rei. Enrico parece tenso. Pietra está exausta diante dos caldeirões fumegantes, junto com Leocádia. É quando Severo entra, nervoso e Pietra se assusta. Severo segura o rosto de Pietra com força e diz que ela precisa reproduzir o antídoto.
 
A novela Belaventura é exibida de segunda a sexta-feira, a partir das 19h45. 
Classificação indicativa: Programa recomendado para maiores de 10 anos.

Envie seu comentário

Comentários (0)